Notícias

Confira as últimas notícias

a- A+
Artigo:
Programação Rádio Inconfidência

foto: divulgação

DISPONÍVEL EM PODCAST

CLIQUE E OUÇA 

 

O violonista passense radicado em Belo Horizonte, Celso Faria, um dos mais laureados e pródigos da atualidade brasileira, fez recentemente o lançamento de seu mais novo trabalho, o CD ‘Recital Mineiro - obras de Carlos Alberto Pinto Fonseca e Arthur Bosmans’. 

Nasceu em Passos em 1979 e iniciou seus estudos musicais de maneira autodidata aos dez anos. Em 1994, ingressou no “Curso de Formação Musical” da Escola de Música da UFMG, estudando na classe do professor José Lucena Vaz.
Obteve o título de bacharel em violão na mesma instituição sob a orientação do professor Fernando Araújo. É especialista em Música Brasileira - Práticas Interpretativas - pela Universidade do Estado de Minas Gerais e Mestre em Performance Musical pela Universidade Federal de Minas Gerais.
Também foi aluno de violão de Beto Davezac na Fundação de Educação Artística (Belo Horizonte) e de música de câmara de Norton Morozowicz na UERJ (Rio de Janeiro).
Celso Faria obteve várias premiações, dentre elas: menção honrosa no “VII Concurso Nacional de Violão Souza Lima” (São Paulo, 1996), vencedor do “IX e XIV Concurso Jovens Solistas” da Escola de Música da UFMG (Belo Horizonte, 1998 e 2004), vencedor do “III e IV Concurso Jovem Músico BDMG” (Belo Horizonte, 2002 e 2003), vencedor do “Concurso Bianca Bianchi” (Curitiba, 2003), vencedor do concurso “Música da Universidade para a Comunidade” (Belo Horizonte, 2003), vencedor local do “I Concurso Furnas Geração Musical” (Belo Horizonte, 2004) e semifinalista do “II Concurso de Violão Fred Schneiter” (Rio de Janeiro, 2005).
Com uma destacada atuação como recitalista de violão solo, integrante em diversificadas formações camerísticas ou, ainda, como solista orquestral, o número de obras a ele dedicadas, encomendadas, transcritas ou arranjadas já superam 130 títulos.
Celso Faria gravou diversos programas de rádio e televisão e foi responsável também por várias primeiras audições. Da sua produção fonográfica/audiovisual, relacionam-se os seguintes CDs: Romancero Gitano, com o Coro Madrigale (selo independente, Belo Horizonte, 2006); 100 anos de Arthur Bosmans (selo “Minas de Som”, Belo Horizonte, 2011); Recital Mineiro - obras de Carlos Alberto Pinto Fonseca e Arthur Bosmans (selo independente, Belo Horizonte, 2019) e Manuscritos de Buenos Aires - Obras de Francisco Mignone com o soprano Mônica Pedrosa e o violonista Fernando Araújo (selo “SESC-SP”, São Paulo, 2019 - no prelo); além do dvd que acompanha o livro Caminhos, encruzilhadas e mistérios de Turíbio Santos (selo “Artviva”, Rio de Janeiro, 2014). 

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -
Marcar este artigo como favorito neste site
                      twitter
Cadastre-se no portal para usufruir todos os recursos do site. Se você já possui uma conta, faça o login ou crie uma nova conta